BQ Escritórios em Inglês BQ Offices - English

Modelo flexível de trabalho: o que as empresas precisam saber

Dicas

Em março de 2020, a pandemia da covid-19 obrigou as empresas a se adaptarem ao trabalho remoto. Passado esse impacto do isolamento social forçado, o chamado “home office” começou a fazer parte da rotina dos profissionais e inspirou o modelo flexível de trabalho, que oferece maior autonomia para os colaboradores.

O modelo flexível de trabalho pode funcionar de diferentes maneiras de acordo com o nicho da empresa. Mas, basicamente, consiste em ir ao escritório apenas alguns dias da semana e, nos outros, trabalhar de forma remota - não necessariamente em casa, mas em qualquer outro lugar que possibilite a execução das tarefas.

Além das adaptações necessárias no fluxo de trabalho, como o uso de softwares para o acompanhamento das tarefas, a flexibilidade também exige mais foco, organização e disciplina do trabalhador.

O modelo flexível de trabalho é indicado para todas as empresas?

Apesar de parecer eficiente, o modelo flexível de trabalho não é algo efetivo para todos. Isso porque exige uma infraestrutura para a realização do trabalho - como computador, internet de qualidade e ausência de questões domésticas que impactam a produtividade de forma negativa.

Outro ponto importante é a relação trabalhista no trabalho remoto. Os empregadores devem se organizar para evitar possíveis passivos em relação ao excesso de carga horária e falta de ergonomia, por exemplo. Uma forma de driblar essas questões é focar nas vantagens que a flexibilização pode oferecer e investir em soluções que sejam benéficas para todos os lados.

Conheça as principais vantagens da flexibilização do trabalho

  • Redução de custos

Um dos principais benefícios do modelo flexível de trabalho é a diminuição dos custos. Isso porque, com menos pessoas no escritório todos os dias, as empresas não precisam pagar o vale-transporte ou auxílio-combustível de forma contínua.

Além disso, pode-se optar pela redução definitiva da estrutura física da empresa com a implementação de um rodízio de profissionais por dia da semana. Outra alternativa é a migração para coworkings, que é uma opção ainda mais vantajosa. A empresa paga apenas uma mensalidade para ocupar o espaço e fica livre dos aluguel, condomínio e outros custos relativos à manutenção de um escritório.

  • Foco no bem-estar e qualidade de vida

É indiscutível o quanto o modelo flexível de trabalho favorece o bem-estar e a qualidade de vida do colaborador. Sem a obrigatoriedade de ir até o escritório todos os dias, as pessoas podem usufruir do tempo que perderia na locomoção para resolver questões pessoais.

E, claro, a possibilidade de escolher onde trabalhar também favorece o convívio familiar, importante para a saúde mental.

  • Mais produtividade

A flexibilização do trabalho também demonstra ser especialmente benéfica para a produtividade. Com mais autonomia e ganhos para a vida pessoal, o colaborador se sente motivado para desempenhar suas tarefas e “rende” mais.

Esse sentimento fica ainda mais latente quando a carga horária também é flexível, possibilitando que o profissional tenha liberdade para escolher os períodos que irá trabalhar, otimizando sua rotina de acordo com os horários em que se sente mais produtivo.

Como colocar o modelo flexível em prática?

O primeiro passo para adotar a flexibilização na empresa é fazer adaptações na cultura organizacional. Afinal, não basta estabelecer os dias da semana em que os colaboradores vão para o escritório e os dias que ficam em casa.

Capacitação é fundamental para que os profissionais entendam a metodologia e os líderes consigam manter o fluxo de trabalho de forma satisfatória. Além disso, também se torna primordial entender a dinâmica de cada colaborador para verificar a viabilidade dele desempenhar suas funções fora do ambiente corporativo.

Nesse último caso, conforme já apontamos no artigo, a empresa pode solucionar essa questão com uma parceria com coworkings para a locação de espaços e facilitar essa migração.

Conheça os escritórios compartilhados da BQ

No mercado há mais de duas décadas, a BQ Escritórios e Coworking é uma aliada para as empresas que buscam um modelo flexível de trabalho.

Isso porque oferece para os clientes espaços multiusos com conforto, economia e estrutura inteligente. Por aqui, as empresas e os colaboradores contam com diferenciais que garantem agilidade e conveniência no dia a dia.

  • Atendimento telefônico personalizado;
  • Caixa postal exclusiva;
  • Gestão de correspondência;
  • Infraestrutura de comunicação e TI;
  • Internet de alto padrão.

Entre em contato e usufrua dos ambientes da BQ para o crescimento do seu negócio!

compartilhe essa postagem em suas redes sociais!

postagens relacionadas

Dicas

Fatores que atrapalham a sua produtividade no trabalho

Quando falamos em produtividade no trabalho, não é incomum enfrentar variações constantes em nosso dia a dia. Há mo...

leia mais
Dicas

O que significa trabalhar com liberdade?

O mercado de trabalho vem passando por mudanças consideráveis nos últimos anos devido a uma série de motivos, como o in&ia...

leia mais
Dicas

Está na hora da sua empresa mudar de endereço? Saiba o que fazer!

Está insatisfeito com a localização e pensa que é uma boa ideia a sua empresa mudar de endereço? Então, voc&...

leia mais

sobre a BQ

A BQ é uma empresa gerenciadora de escritórios, uma solução eventual ou permanente, adequando espaço e serviços de acordo com a conveniência do cliente.

inscreva-se

Receba nossos conteúdos exclusivos.

Rio de Janeiro - Centro (21) 3231-9000 |

Macaé (22) 3723-5400

solicite um orçamento
Rio de Janeiro - Centro Macaé