BQ Escritórios em Inglês BQ Offices - English

Como o coworking está retornando ao redor do mundo

Coworking

Há alguns anos, ninguém seria capaz de imaginar o quanto a vida moderna e as tendências de mercado iriam mudar drasticamente. Com a chegada da pandemia da covid-19, em 2020, diversos setores foram profundamente transformados, como é o caso dos coworkings.

Afinal, com a necessidade de distanciamento social, maiores cuidados com a higiene dos ambientes e quarentena obrigatória, os escritórios compartilhados — caracterizados por unir pessoas em um mesmo ambiente — não apresentaram o desempenho esperado, projetado em 2019.

Mas com o avanço da vacinação e a volta gradual das atividades, como o mercado de coworking está retornando ao redor do mundo? Confira no artigo!

Os mercados europeu e norte americano

Como mencionamos, ainda em 2019 o mercado de coworking foi projetado para alcançar crescimentos recordes e um aumento de mais de 50% até 2022, segundo previsões da EmergentResearch.

Contudo, a chegada da pandemia alterou drasticamente este cenário. E muitos escritórios de coworking se viram obrigados a alterar seus planos e a adiar temporariamente a expansão de mercado.

Confira como os mercados europeu e norte americano de coworking estão reagindo à volta do coworking e do trabalho híbrido:

  • Estados Unidos

Grande parte dos trabalhadores já anseia por mudanças de cenário e por uma rotina mais próxima dos colegas de trabalho. E mesmo que o home office ainda esteja presente no mercado norte americano no pós-pandemia, os profissionais irão dar preferência a uma rotina de trabalho híbrida e mais agitada.

É neste contexto que o mercado do coworking demonstra seu otimismo. Já que os escritórios compartilhados ressurgem como uma alternativa de ambiente para receber colaboradores fixos, profissionais autônomos e empresas de diversos segmentos, proporcionando um local para que as pessoas troquem vivências e experiências com maior liberdade, comodidade e segurança.

  • Europa

Na Europa, a atuação em home office também é um hábito que continuará no pós-pandemia. E além de trabalhar em casa, o mercado europeu espera que os profissionais atuem perto de suas casas, ou seja, em uma região bem localizada, onde será possível resolver todos os assuntos do dia a dia.

E é aí que o mercado de coworking se estabelece, uma vez que esse modelo de negócio pode oferecer toda a infraestrutura necessária para atender ao público.

A retomada das atividades

Se a pandemia foi a grande responsável por desacelerar o mercado de coworking, a retomada da economia e do trabalho presencial permite a criação de novas expectativas para esse setor.

Mesmo com o avanço da vacinação e o maior controle da pandemia, é pouco provável que a vida nos próximos anos e as atividades no escritório retornem à “normalidade” sem nenhuma mudança cultural.

Por isso, é preciso realizar algumas medidas durante a retomada das atividades e do trabalho híbrido em coworkings. Saiba mais:

1. Investimentos em ambientes bem localizados

Com o aquecimento do mercado de coworking, a tendência é de que os trabalhadores procurem por lugares privilegiados. Por isso, é fundamental que os escritórios compartilhados estejam localizados em grandes centros comerciais, próximos a comércios, bancos e demais facilidades.

A localização privilegiada dos coworkings permite que a ida ao trabalho seja o momento ideal para solucionar as mais variadas demandas pessoais e profissionais de uma vez só.

2. Maior oferta de serviços

Na retomada pós-pandemia, os coworkings serão muito mais do que espaços compartilhados com móveis e internet de alta velocidade.

Os profissionais esperam encontrar nos coworkings um ambiente completo, com biblioteca, salas de lazer e descanso, auditório, espaços para reuniões, café, etc.

Agregar novos serviços e espaços valoriza o ambiente e demonstra maior acolhimento e preocupação com o conforto dos usuários.

3. Criação de espaços verdes

Na Europa, a questão da sustentabilidade nos espaços coworking já é uma tendência para a retomada das atividades no pós-pandemia.

Nesse sentido, vale investir em ações mais sustentáveis nos ambientes compartilhados, como redução de impressões, economia de papel, reutilização da água e economia de energia, uso de copos descartáveis, etc.

A ideia é criar coworkings cada vez mais verdes, atraindo mais usuários para um estilo de vida corporativo sustentável e consciente.

Retorne às atividades com segurança na BQ

Em um cenário de retorno gradual às atividades e maior preocupação com a higiene dos espaços, os coworkings devem se adaptar às necessidades dos usuários, oferecendo um ambiente seguro para todos.

A BQ Escritórios e Coworking preza pela limpeza e segurança de seus espaços, por isso, estabeleceu medidas de higienização para todos os seus ambientes compartilhados.

Na BQ, você retorna às suas atividades com máximo conforto e segurança. Confira algumas ações de limpeza que implementamos nos últimos meses:

  • Instalamos borrifadores com álcool em gel e álcool 70% em todas as áreas de recepção de nossos andares;
  • Colocamos um dispenser com álcool em espuma nas áreas de café;
  • Providenciamos sinalização adequada para que todos possam ver e utilizar os dispositivos ao chegar à BQ;
  • Recomendamos que a limpeza das estações de trabalho seja feita diariamente pelos próprios colaboradores ocupantes da estação, incluindo mesas, telefone e computadores;
  • Indicamos o uso correto da máscara nas áreas comuns da BQ;
  • Indicamos a higienização recorrente das mãos com água e sabão neutro e álcool em gel 70%;
  • Sugerimos evitar aglomerações e o cumprimento das medidas de distanciamento social;
  • Indicamos o uso de escadas e a utilização correta dos elevadores quando não for possível evitar;
  • Indicamos manutenção da distância de 1,5 m no atendimento na recepção;
  • Sugerimos fortemente que cada um tenha seu próprio copo de água e caneca de café. Caso não seja possível, indicamos a higienização das mãos com o álcool em espuma antes de pegar qualquer copo de café ou água;
  • Indicamos a higiene das mãos antes de utilizar o micro-ondas e o não compartilhamento de pratos, talheres e demais itens pessoais;
  • Recomendamos às pessoas que em caso de febre ou demais sintomas, não venham trabalhar;
  • Reforçamos a limpeza periódica em portas, maçanetas e banheiros, bem como a limpeza de pontos de grande contato, como corrimões, banheiros, maçanetas e portas de vidro.


Através destas medidas de segurança, esperamos promover um ambiente de trabalho mais confortável, seguro e adequado a todos.

Entre em contato com nossa equipe e saiba como contratar nosso coworking.

compartilhe essa postagem em suas redes sociais!

postagens relacionadas

Coworking

Mobilidade e trabalho: o coworking como ambiente flexível

A relação entre mobilidade e trabalho é um assunto que tem estado presente nas discussões corporativas nos últimos ...

leia mais
Coworking

Incentivando o empreendedorismo no coworking

O empreendedorismo está em alta no Brasil. E com a popularização de novas modalidades de trabalho, os empreendedores podem optar ...

leia mais
Coworking

Como o coworking pode construir uma comunidade mais forte

A proposta dos espaços coworking sempre foi de dividir o local de trabalho com outros profissionais e trocar conhecimentos e vivências co...

leia mais

sobre a BQ

A BQ é uma empresa gerenciadora de escritórios, uma solução eventual ou permanente, adequando espaço e serviços de acordo com a conveniência do cliente.

inscreva-se

Receba nossos conteúdos exclusivos.

Rio de Janeiro - Centro (21) 3231-9000 |

Macaé (22) 3723-5400

solicite um orçamento
Rio de Janeiro - Centro Macaé