Hackathons e a inovação dentro das empresas

Dicas

O que são hackathons?

Combinando as palavras “hack” (o ato de programar com excelência) e “marathon” (de maratona), o hackathon é uma competição criada para estimular o pensamento, o planejamento e a execução de projetos com inovação.

A primeira Hackathon aconteceu em 1999, e desde então se tornou bastante popular, especialmente nos Estados Unidos. No Brasil, a prática também vem crescendo e se tornando cada vez mais conhecida.

O objetivo principal desse evento é exercitar a criatividade dos colaboradores e, ao mesmo tempo, obter soluções para o dia a dia. Para empresas, promover a hackathon qualifica a resolução de problemas internos e incentiva seus funcionários à agilidade e ao pensamento rápido. Ao criar produtos inovadores, a empresa pode superar suas expectativas, tornando-os melhores e mais dinâmicos.

Qual a relação entre hackathons e a inovação?

Na maioria das vezes, decisões tomadas no ambiente empresarial são baseadas em percepções superficiais, já que cada colaborador tem padrões e valores próprios. Um dos maiores recursos do hackathon é combinar esforços para que as ideias inovadoras fluam e atinjam sua maturação mais rapidamente.

Numa hackathon, participantes colaboram em um grupo e dividem insights com colegas que têm padrões mentais e percepções diferentes dos seus. A partir disso, cria-se então o ambiente ideal para que as ideias inovadoras sejam melhor desenvolvidas, tendo como consequência empresas mais ágeis, integradas e preparadas para lidar com desafios.

Quais são as dicas para planejar e colocar em prática a estratégia?

Para começar, o hackathon deve ser um desafio cativante para o público a que se dirige. Além disso,  é importante identificar os problemas comuns no cotidiano da empresa para definir seu briefing. A ideia deve ser clara, compreensível e inspiradora. Um hackathon deve ser visto como uma oportunidade para investir em inovação aberta. Através de fluxos de conhecimento das mais variadas fontes, o objetivo é ter como resultado final a melhoria dos produtos, processos, entrega aos clientes, aumento da eficiência, redução de custos e fortalecimento dos valores da empresa.

Diferentemente dos hackathons tecnológicos que duram um fim de semana, empresas não estão sujeitas às mesmas regras. Por isso, podem se utilizar da técnica como uma ferramenta de mudança do fluxo de trabalho interno. Ou seja, em vez de um evento único, neste cenário, hackathons se tornam uma metodologia estratégica para a solução de problemas específicos, gerando resultados de longo prazo ao negócio.

Para que a estratégia flua da melhor maneira possível, é importante que pessoas de diferentes áreas da empresa estejam envolvidas e que os participantes estejam motivados, afinal em um ambiente motivado à criatividade desenvolve-se melhor. Além disso, o hackathon não necessariamente precisa de um local fixo, já que pode acontecer dentro ou fora da empresa. É preciso, contanto, que o ambiente seja adequado e proporcione confiança, segurança e lazer para os participantes.

Como falamos ao longo do texto, existem muito motivos para hospedar um Hackathon em sua empresa. É uma excelente oportunidade de solucionar problemas corporativos utilizando a criatividade e inovação, além de reconhecer talentos e propostas inovadoras, promovendo o crescimento sustentável e ampliando o valor de seus negócios.

compartilhe essa postagem em suas redes sociais!

postagens relacionadas

Dicas

5 aplicativos para melhorar a produtividade em sua empresa

Com a tecnologia cada vez mais presente nas diversas áreas das nossas vidas, não é de se espantar que ela também est&aacut...

leia mais

sobre a BQ

A BQ é uma empresa gerenciadora de escritórios, uma solução eventual ou permanente, adequando espaço e serviços de acordo com a conveniência do cliente.

inscreva-se

Receba nossos conteúdos exclusivos.

Rio de Janeiro (21) 3231-9000 |

Macaé (22) 3723-5400

solicite um orçamento
Rio de Janeiro Macaé